Directamente de Palermo, um olhar Encarnado e Vigilante sobre a actualidade do Nosso Clube e sobre o futebol Português em geral.

segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

All in... Win!

O mérito e a sorte andaram de mãos dadas ontem na Luz. Mérito tanto do Benfica que pela sua persistência e crença conseguiu vencer o jogo, como do Gil que pela sua atitude e exibição conseguiu dificultar a missão ao Benfica valorizando o triunfo encarnado. Sorte de ambos, primeiro do Gil que marca aquele golo de bandeira que em 100 tentativas conseguiria marcar em duas, e cujos festejos ouviram-se até Contumil, e depois do Benfica, no golo de Rodrigo que voltava a entregar vantagem no marcador aos galácticos da Luz.

Num jogo que parecia ter tudo para correr mal, o Benfica nunca se encontrou verdadeiramente, principalmente na primeira parte em que pouco criou, e na segunda parte tendo que atacar, não o fazia de uma maneira objectiva e constante, tendo até sofrido alguns calafrios pelo caminho. Jesus decidiu então apostar na entrada de Aimar, e melhoramos, mais tarde trocando Javi por Bruno César, apostou numa espécie de all in e o Benfica começou a carregar não melhor mas mais, e essa insistência acabou por dar os seus frutos com a resolução do jogo.

Destaques:

Maxi: Se tivesse que nomear um jogador da defesa este seria o meu escolhido, pela sua atitude positivamente agressiva no jogo, tentou dinamizar um flanco no qual pareceu estar mal acompanhado durante o tempo todo.

Nolito: As coisas não lhe sairam todas bem, mas o Espanholito muito a seu estilo nunca virou a cara à luta, conseguindo rubricar duas assistências para golo.

Rodrigo: Outro jogador a quem as coisas não correram todas bem, mas tal como o seu compatriota tentou sempre dinamizar e levar a equipa para a frente, gosta de ter a bola no pé, não se esconde do jogo e trabalha muito para a equipa, é com esta atitude que se fazem campeões!

Aimar: Bem-vindo Mago Aimar. A sua entrada coincidiu com o melhor período do Benfica, um grande golo a abençoar tão saudado regresso.

Para finalizar:

Imagino que muitos adversários esperavam por uma escorregadela nossa dado o que se passava dentro de campo, mas com a nossa qualidade, persistência e um pouco de sorte acabamos por resolver o jogo em três minutos, deixando frustradas as ambições alheias. Para a semana há mais!

Carrega Benfica!

2 comentários:

Observador disse...

Ouvi dizer que no autocarro dos jogadores do FCP estava tudo sintonizado na antena que transmitia o Benfica x Gil Vicente.

O motorista perguntou se queriam que ligasse a televisão.
Pinto da Costa terá reagido de pronto, dizendo: oh mourcon tu não sabes que essa m**** não apanha a estação farsola?

E lá foram, cada um com o seu auricular.

ToElGordo disse...

Eu vi logo que aquilo era mau olhado, neste caso, mau ouvido.. hehe, sábado jogo tão importante quanto complicado.