Directamente de Palermo, um olhar Encarnado e Vigilante sobre a actualidade do Nosso Clube e sobre o futebol Português em geral.

sexta-feira, 25 de maio de 2012

O tripeiro é carneiro

Findo o jogo lá ficaram eles quase todos, qual rebanho de carneiros à espera da ordem do pastor. É assim há mais de 30 anos, o tripeiro médio não pensa, é arrebanhado e segue caminho com os outros ao som das ordens do pastor e dos latidos dos seus cães.

Então eis que arranjaram o bode, criaram a sua realidade e agora sim já podem dormir melhor à noite e de consciência tranquila. "A culpa é do Lisboa, pulha maldito que deu lume ao azeite!", dizem eles orgulhosos por conseguirem mais uma vez arranjar uma boa mentira para contarem a si próprios, jamais concebendo que a culpa é do azeite ser azeite e de que ao espectáculo que alguém montou ter faltado o essencial que era a equipa ter jogado alguma porra de jeito para ser campeã.

O bom é que a história desdenta-vos os argumentos:


Sleep tight.

1 comentário:

Pedro Potter disse...

Já agora... No meio de tanto ódio e ignorância, convinha fazer a distinção entre portuense/ tripeiro vs portista ou alfacinha vs benfiquista. Google: "tripeiro origem", talvez ajude. É que às tantas escrevem-se coisas tão más como aquelas que se pretendem criticar...